Homem que matou e queimou corpo de mulher em churrasqueira é condenado a 21 anos

Por Chico Sabe Tudo 12/02/2022
Homem que matou e queimou corpo de mulher em churrasqueira é condenado a 21 anos

Condenado a 21 anos de prisão após ter matado, esquartejado e carbonizado o corpo da ex-mulher em uma churrasqueira, foi preso na manhã desta quinta-feira, 10 de fevereiro pela Polícia Militar em frente a Santa Casa de Corumbá.

Uma denúncia levou os policiais até o autor identificado como Mauro Sampietri que estaria vivendo em Corumbá há mais de um ano.

Durante a abordagem policial, o autor tentou ludibriar os militares dizendo que se chamava “Domênico” um cidadão de nacionalidade italiana e não que portava nenhum documento de identificação. Os policiais que já estavam em posse das características físicas e número da placa do seu automóvel, o encaminhou até o plantão da 1ª DP de Corumbá.

No caminho, o indivíduo acabou confessando que seu nome era Mauro Sampietri e após consulta junto ao sistema policial foi constatado um mandado de prisão em desfavor do indivíduo pelo crime de homicídio.

Em Corumbá, o autor morava em uma residência localizada no bairro Cravo Vermelho 3.

O Caso

Mauro vivia com a esposa, Claudete, em Pinhais-PR. Ela desapareceu no dia 18 de janeiro de 2017.

Três dias depois, seu corpo queimado foi encontrado, sem a cabeça, os braços e as pernas, às margens de uma quadra de esportes no bairro Weissopolis, em Pinhais, na região Metropolitana de Curitiba. Um exame de DNA confirmou que o corpo era dela.

Parte do corpo da vítima havia sido queimado numa churrasqueira. Mauro foi preso no mesmo dia e negou o crime. Em 2018, depois de dois dias de julgamento, Mauro Sampietri foi condenado a 21 anos de prisão e multa em regime inicial fechado.

Sobre nós

Falar um pouco sobre o Chico

Ultimos posts

Copyright © 2022 Portal ChicoSabeTudo. Todos os direitos reservados.