Cinquenta quilos de maconha são apreendidos em casa usada por traficantes como ‘laboratório’ de droga em Feira de Santana

Droga crédito: Polícia Civil/ Divulgação

Cinquenta quilos de maconha e dois de crack foram apreendidos pela Polícia Civil, dentro de uma casa usada por traficantes como “laboratório de drogas”, no distrito de Tiquaruçu, que fica em Feira de Santana, cidade a cerca de 100 km de Salvador. Ninguém foi preso.

De acordo com a Polícia Civil, no imóvel, drogas eram preparadas para venda e também eram armazenadas. A operação aconteceu na quinta-feira (17), e foi feita por equipes da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) e da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE) de Feira, além da Coordenação de Operações Especiais (COE).

Segundo a Polícia Civil, a maconha estava dividida em 32 tabletes, 20 pacotes e dois sacos, o crack em dois recipientes. Além das drogas, também foram apreendidos um forno micro-ondas, 10 sacos com uma substância química de cor branca e outros produtos utilizados para o preparo de crack e cocaína.

Os ocupantes do imóvel fugiram antes da chegada da polícia. O material apreendido foi encaminhado para a perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + nove =

Veja também