Connect with us

Cenário Político

Jerônimo Rodrigues descarta uso de câmeras nas fardas da polícia durante o Carnaval

Atrasos na entrega e exigências do Ministério frustram planos de usar câmeras em fardas policiais no Carnaval de Salvador, afirma governador.

Avatar De Redação Portal Chicosabetudo

Publicado

em

Jerônimo Rodrigues Descarta Uso De Câmeras Nas Fardas Da Polícia Durante O Carnaval
Imagem: Reprodução/Poder360

O governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues (PT), anunciou que as câmeras de corpo a serem implementadas nas fardas das polícias Civil e Militar do estado não estarão em operação durante o Carnaval de Salvador em 2024. A revelação ocorreu em um encontro com a imprensa no sábado (13), na 43ª Noite da Beleza Negra, no Curuzu.

Na quarta-feira anterior (10), o governador havia informado que o estado recebeu 200 câmeras do Ministério da Justiça, com a intenção de utilizá-las já na Lavagem do Bonfim, que aconteceu na quinta-feira (11). Contudo, exigências feitas pelo Ministério da Justiça afetaram os planos iniciais do governo estadual.

“Eu tinha expectativa, mas com os prazos que o Ministério e o material que a pasta pediu à Secretaria de Segurança Pública, nós pedimos tranquilidade para não fazermos nada fora da linha. Eu já retirei da minha pauta a possibilidade de usar durante o Carnaval”, declarou Jerônimo Rodrigues.

O governador acrescentou que os prazos para a implementação das câmeras foram acordados com o Ministério da Justiça. Segundo ele, o tempo necessário para a chegada das câmeras é de aproximadamente 60 a 90 dias, o que torna inviável o uso no Carnaval. No entanto, Jerônimo Rodrigues mencionou a possibilidade de testar os equipamentos em futuras festas regionais, como micaretas no interior da Bahia.

“Não teremos condições. É possível que, para alguma micareta do interior da Bahia, a gente já possa fazer um teste. Mas, para o Carnaval, dificilmente será possível”, concluiu o governador.

ANÚNCIO

Mais Lidas