Connect with us

Cenário Político

Delmiro: vereadores citados pelo MPE/AL emitem nota de esclarecimento

Avatar De Chicosabetudo

Publicado

em

Os vereadores Ezequiel de Carvalho Costa (PSB), Fabíola Marques (PSL), Raimundo Valter Benício (Casa Grande) (PPS), Francisco de Assis (Kinho) (PRP), Marcos Costa e Júnior Lisboa (MDB), emitiram uma nota de esclarecimento para fala sobre a citação deles no pedido de prisão preventiva, através de uma ação penal expedida pelo procurador-geral do Ministério Público Estadual (MPE), Alfredo Gaspar de Mendonça Neto ao Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL).

O MPE também pediu ao TJ a prisão do prefeito, Eraldo Joaquim Cordeiro (PSD), por formação criminosa e desvio em licitações e contratos, além do afastamento de secretários, servidores e do ex-vereador Valdo sandes.

A nota relata que os parlamentares receberam a notícia com consternação, tendo em vista que os mesmos não foram ouvidos em nenhuma fase do processo.

Ainda de acordo com a nota, os vereadores confiam amplamente no papel da Justiça e reiteram que os fatos serão esclarecidos, provando a inonc~encia dos edis.

Confira a nota na íntegra: 

Os vereadores de Delmiro Gouveia receberam com surpresa a notícia veiculada na imprensa nesta sexta-feira (4), sobre o pedido de prisão preventiva pelo Ministério Público. Os parlamentares ressaltam que a consternação baseia-se no fato de nem mesmo terem sido ouvidos na fase inquisitorial do processo, frisando que não há motivo para o ato dispensado pelo MP. Os edis confiam amplamente no papel da justiça, sendo todos os fatos esclarecidos e provando a inocência dos mesmos.

Delmiro Gouveia, 4 de outubro de 2019.

Ezequiel de Carvalho Costa, Fabíola Marques, Raimundo Valter Benício (Casa Grande), Francisco de Assis (Kinho), Marcos Costa e Júnior Lisboa.

Mais Lidas