Connect with us

Cenário Político

Ao lado de Jerônimo, ministra Margareth Menezes participa dos festejos de Iemanjá: ‘louvação ao mar e reverência à nossa ancestralidade’

Avatar De Redação Portal Chicosabetudo

Publicado

em

Margareth Menezes

A Festa de Iemanjá, que não contou com a participação do público nos últimos dois anos devido à pandemia de Covid-19, retorna nesta quinta-feira (2), em Salvador. Já na quarta-feira à noite (1), habitantes da Bahia e turistas celebraram a orixá das águas salgadas no bairro do Rio Vermelho. Às 6h, a ministra da Cultura, Margareth Menezes, visitou o barracão onde os donativos para Iemanjá são recolhidos para serem entregues no final da tarde em alto mar.

A ministra pontuou a relevância da comemoração, que, em 2023, marca o 100º aniversário do presente tradicional para a rainha das águas.

“Feliz de poder estar aqui nesse ano que a festa completa 100 anos. É um momento muito especial para todos nós. É uma louvação ao mar necessária para um país que tem uma costa tão enorme, como a nossa. É uma reverência que tem a ver como nossa ancestralidade africana. É uma festa que está na memória e no coração”, disse.

A militante ambiental também abordou a importância de que os presentes para Iemanjá sejam ecologicamente conscientes.

Sempre jogamos flores no mar. Flores sim, plástico não”, pediu.

Menezes chegou no Rio Vermelho acompanhada pelo governador da Bahia, Jerônimo Rodrigues, pelo vice-governador, Geraldo Júnior, bem como por secretários de estado e outras autoridades.

Mais Lidas