Connect with us

Polícia e investigação

VÍDEO: Advogada criminalista e companheiro são mortos a tiros em Parnamirim

Andreia Teixeira e Lenivaldo Castro são mortos em Parnamirim, RN, após ela expressar luto por colegas assassinados.

Avatar De Redação Portal Chicosabetudo

Publicado

em

Na madrugada de quarta-feira (28), a advogada criminalista Andreia da Silva Teixeira, 44 anos, e Lenivaldo César de Castro, 52 anos, foram assassinados a tiros em um condomínio na região de Parnamirim, Grande Natal, Rio Grande do Norte. O crime foi registrado por uma câmera de segurança, que captou a chegada dos suspeitos ao local em um carro sedan escuro por volta das 0h40. Teixeira foi atingida por disparos enquanto manuseava objetos no porta-malas de seu veículo.

Horas antes do incidente, Teixeira expressou nas redes sociais seu lamento pelos assassinatos recentes de outros profissionais da advocacia no estado, referindo-se especificamente aos casos de Brenda dos Santos Oliveira, 26 anos, e Rodrigo Marinho Crespo, 42 anos. Oliveira foi morta juntamente com um cliente, enquanto Crespo foi assassinado próximo à sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no Centro do Rio.

A publicação de Teixeira destacava o impacto dessas perdas para a comunidade jurídica, enfatizando o estado de luto e indignação entre os advogados.

Relatos do filho de Andreia indicam que ela mantinha uma relação conflituosa com o ex-marido, um policial penal, e que ela temia por sua segurança, contemplando a possibilidade de deixar o estado devido às ameaças percebidas.

A investigação policial atualmente considera o ex-companheiro de Teixeira como o principal suspeito do crime, baseando-se em reconhecimento feito pelo filho da vítima através das imagens de segurança. As autoridades continuam investigando o caso.

Mais Lidas