Bolsonaro diz que não tomará vacina contra Covid: “Não tem cabimento”

Na tarde de ontem (12), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse que decidiu não tomar o imunizante contra a Covid-19. A declaração foi feita ao programa Os Pingos nos Is, da rádio Jovem Pan.

Bolsonaro disse que a imunização, para ele, “não tem cabimento”. O presidente disse ainda que já foi infectado pela doença e, por isso, tem um alto nível de anticorpos.

“Eu decidi não tomar mais a vacina. Eu estou vendo novos estudos, e minha imunização está lá em cima. Para que vou tomar? Seria a mesma coisa que você jogar R$ 10 na loteria para ganhar R$ 2. Não tem cabimento isso daí”, declarou.

Em abril deste ano, Bolsonaro afirmou que pretendia tomar a vacina “por último”, depois que todas as pessoas recebessem suas doses. Bolsonaro está apto a ser imunizado no Distrito Federal desde o dia 3 de abril de 2021. 

No último domingo (10), o presidente foi impedido de entrar na Vila Belmiro para assistir ao jogo do Santos contra o Grêmio, por não estar portando o comprovante de vacinação contra a Covid-19.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 3 =