Delmiro Gouveia – AL estaria entre as cidades que aplicaram doses da vacina AstraZeneca vencidas

Os dados da vacinação contra o coronavírus no país mostram que em Alagoas e outros 22 estados, 1.254 pessoas receberam a vacinação com data de validade vencida. Trata-se de lotes do imunizante Oxford/AstraZeneca de números 4120Z001, 4120Z004 e 4120Z005, cuja data de vencimento era de seis meses, já expirados.

Em Alagoas, a vacina foi aplicada em 15 pessoas residentes em Arapiraca (7 pessoas); Flexeiras (1); Delmiro Gouveia (2); Maceió (2 pessoas); Paripueira (2) e Viçosa (1). O problema da aplicação de vacinas vencidas é a possível perda de eficácia do princípio ativo.

As vacinas foram aplicaram em 160 cidades, segundo dados oficiais do Ministério da Saúde. No total, 1.254 pessoas foram inoculadas com doses vencidas. Os dados foram obtidos a partir do cruzamento das informações sobre as vacinas com os registros de envios de imunizantes para os estados, onde constam a data de vencimento para cada lote. Segundo a bula da vacina no site da Anvisa, a validade do imunizante é de seis meses a partir da data de fabricação, e o produto não deve ser usado após o prazo previsto.

As doses aplicadas fora do prazo de validade, foram produzidas em outubro do ano passado na Índia, chegaram ao Brasil no dia 22 de janeiro e começaram a ser distribuídas ao estados no dia seguinte.

Em contato com a assessoria de comunicação da prefeitura de Delmiro Gouveia, a Secretaria Municipal de Saúde informou que “o lote dos imunobiológicos SARS-CoV-2 n° 4120Z001 possuia prazo de validade final para o dia 29/03/2021 e, através de diligência realizada pela equipe do Programa Nacional de Imunização – PNI – da Secretaria Municipal de Saúde, constatou-se que todas as doses do lote foram administradas dentro do prazo de validade e que, os registros das administrações das doses no sistema SI-PNI CAMPANHA ocorreram após a data da administração“.

Veja nota na íntegra:

Nota oficial – SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE DELMIRO GOUVEIA

A Secretaria Municipal de Saúde de Delmiro Gouveia esclarece a informação veiculada de que duas doses da vacina contra a covid-19, do fabricante Oxford/Astrazeneca teriam sido aplicadas fora do prazo de validade. Primeiro é importante destacar que, cada frasco do imunizante atende a 10 doses, sendo impossível apenas duas doses terem sido aplicadas, sem haver a notificação posterior do prazo de validade aos órgãos competentes. O lote dos imunobiológicos SARS-CoV-2 n° 4120Z001 possuia prazo de validade final para o dia 29/03/2021 e, através de diligência realizada pela equipe do Programa Nacional de Imunização – PNI – da Secretaria Municipal de Saúde, constatou-se que todas as doses do lote foram administradas dentro do prazo de validade e que, os registros das administrações das doses no sistema SI-PNI CAMPANHA ocorreram após a data da administração. Sendo assim, não houve em Delmiro Gouveia a administração da vacina contra a COVID-19 com prazo de validade expirado. Prefeitura de Delmiro Gouveia, trabalho e desenvolvimento para todos!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + quatro =