Bolsonaro diz que “lutará por liberdade” e que fará “o que o povo quiser”

No vídeo que gravou ao lado do agora ex-ministro da Educação Abraham Weintraub, o presidente Jair Bolsonaro disse que passa por um momento difícil, disse que não abriu mão dos seus compromissos de campanha e, após dizer que lutará pela liberdade, fará “o que o povo quer”. 

É um momento difícil. Todos os meus compromissos de campanha estão em pé. E busco implementá-los da melhor maneira possível. A confiança você não compra, você adquire. Todos que estão ouvindo agora são maiores de idade e sabem o que o Brasil está passando. E o momento é de confiança. Jamais deixaremos de lutar por liberdade. Eu faço o que o povo quiser“, discursou Bolsonaro.

Como era aguardado, Weintraub saiu do Ministério da Educação (MEC) nesta quinta-feira, após se envolver em uma série de polêmicas. A permanência no governo começou a se tornar insustentável depois que se tornou pública uma fala de Weintraub durante reunião ministerial na qual ele disse que, se pudesse, prenderia os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − 17 =