Justiça mantém para próxima quarta depoimento de Lula sobre propina da Odebrecht

A Justiça Federal manteve para a próxima quarta-feira (13) o depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao juiz Sérgio Moro, em Curitiba. O interrogatório será sobre o suposto recebimento de propinas da Odebrecht, ação na qual Lula é réu. A defesa pediu o adiamento até que fossem juntados nos autos elementos sobre os sistemas My Web Day e Drousys, usados para distribuição de propina, ams o recurso foi negado. De acordo com o Estadão, os dados sobre o sistema My Web Day estavam na Suíça e foram enviados pela Odebrecht ao Ministério Público Federal em agosto. O relator do processo, desembargador federal João Pedro Gebran Neto, avaliou que o pedido não possui previsão legal. Esta será a segunda vez que Lula ficará diante do juiz Sérgio Moro. O primeiro encontro foi em maio, na ação referente ao triplex do Guarujá. A militância petista organiza atos em Curitiba. 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco − quatro =

Veja também

Justiça determina prisão de Joesley e Saud

O ministro do Supremo Tribunal Federal Luiz Edson Fachin acatou o pedido de prisão temporária dos delatores da J&F Joesley Batista e Ricardo Saud, apresentado nesta sexta-feira (8) pelo