Camaçari: Justiça proíbe propaganda que chama eleitores de candidato de ‘bestas’

A Justiça Eleitoral proibiu a veiculação de propaganda do candidato a prefeito de Camaçari, Região Metropolitana, Luiz Caetano (PT) na qual ele classifica os eleitores do candidato do DEM, Elinaldo, de “bestas”.

Na decisão, o juiz eleitoral César Augusto Borges de Andrade, atendendo reclamação do setor jurídico da campanha de Elinaldo, considerou que a propaganda do candidato do PT é “injuriosa e atinge a honra do candidato e de seus eleitores”. 

O candidato petista tem um prazo de 24 horas para suspender a veiculação da propaganda em questão.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + 5 =