Impeachment: a Bahia é refém do PT, diz Aleluia

No dia decisivo para o futuro político no país, situação e oposição já demonstram um clima nada amigável. O deputado federal, José Carlos Aleluia (DEM), não poupou críticas à gestão petista nacional e estadual.  “Este processo de impeachment não é o fim. É o começo, é um recomeço, é uma recuperação, é uma reconstrução dos valores brasileiros que foram destruídos por 13 anos do PT. Eu que sou baiano, vou esperar 2018 para tirar a Bahia também deste processo. A Bahia que é também refém do PT, que parou o país, parou a Bahia. O governador Rui Costa, que é pau mandado de Jaques Wagner. Colocou os sem terra para ocupar o principal ponto turístico da cidade, o Farol da Barra, para impedir que os baianos se manifestassem,” declarou.

O demista acusou o Partido dos Trabalhadores(PT) de desvirtuar a população de suas crenças cristãs e de ser conivente com a criminalidade no país.

“Nós temos as possibilidades de voltar a ser o país cristão, respeitador, que educa as crianças para o trabalho e respeita o trabalho. O PT vai oferecer o Brasil. Este ano 70 mil assassinatos, só na cidade de Salvador 3 mil assassinatos. O PT é conivente com o crime, é apaziguador com o crime e levou o Brasil num clima de insegurança, de intranquilidade e de retrocesso,” atacou.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + 2 =