Menina de 10 anos, filha de mulher morta a marretadas pelo marido, está desaparecida

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Uma menina de 10 anos está desaparecida. Na quarta-feira (11), a mãe foi encontrada morta dentro de casa. Gleiciane Lima Rabelo Amaral, de 32 anos, foi morta com golpes de marreta na cabeça, na cidade de Marabá, no Pará.

A polícia  investiga as circunstâncias da morte e suspeita que o autor do crime tenha sido o marido da vítima que, na quarta, teria se jogado numa carreta, na rodovia Transamazônica, logo após o corpo ser encontrado, morrendo na hora.

Quem investiga é a Delegacia de Homicídios da cidade. A menina de 10 anos morava com o casal e não foi vista desde a descoberta do corpo.

“Pelo estado em que o corpo se encontrava, tudo indica que ela foi morta há três dias. A menina não foi encontrada na casa e o último contato que se sabe dela foi no domingo. Na segunda, o Eliezer [marido] se hospedou em um hotel da cidade desacompanhado da criança”, informou o delegado. “Estamos tratando o caso como um feminicídio seguido de suicídio“, conclui Cardoso.

“Ela foi incluída desde ontem no nosso sistema de desaparecidos e contamos com a população e imprensa para fornecer qualquer informação sobre a possível localização dela. Qualquer informação que recebermos, repassamos imediatamente para a polícia averiguar a veracidade”, reforça a responsável pelo Disque Denúncia.

Comentários