Padre agride bispo durante discussão em paróquia: “rolaram no chão”

Padre agride bispo durante discussão em paróquia -Créditos: Redes sociais

Um padre, de 58 anos, que teve o nome preservado, agrediu fisicamente um bispo, de 64 anos, dentro da Paróquia da Vila dos Montes, em Governador Valadares, Minas Gerais. Testemunhas contaram que os religiosos discutiram e, depois, os dois “rolaram no chão”.

A polícia foi acionada, e, ao ser questionado sobre as agressões, o padre alegou aos policiais que estava sendo perseguido pelo seu superior. Testemunhas relataram que o agressor faz uso de medicamentos controlados para depressão.

O padre disse ainda que o bispo pediu para que ele se mudasse da casa paroquial, pois o local comporta apenas uma pessoa e os dois estavam morando lá. Então, o religioso se sentiu desrespeitado e “agredido verbalmente” e, por isso, atirou uma cadeira na direção do seu superior, que desviou.

O bispo, que teve ferimentos no pescoço e nos braços, relatou que foi atacado pelo padre e que essa não foi a primeira vez. Segundo ele, o agressor tem surtos psicológicos e agride as pessoas da paróquia.

Depois da discussão, o padre tomou os medicamentos ansiolíticos, que tem efeito sedativo, e foi levado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para um hospital da região.

Comentários