Diretora de escola acusada de maltratar bebes está foragida

Por Chico Sabe Tudo 24/03/2022

A diretora da escola infantil Colmeia Mágica, localizada em São Paulo, que é investigada por maus-tratos a crianças, passou a ser considerada foragida da Justiça após a decretação da sua prisão temporária, na última terça-feira (22).

Roberta Regina Rossi Serme, de 40 anos, é uma das sócias proprietárias da escola. Após a circulação de vídeos que mostram crianças em situação de maus-tratos, ela passou a ser investigada por esse crime, além de periclitação de vida, que é colocar a saúde das crianças em risco, submissão delas a vexame ou constrangimento e tortura.

Nas imagens, as crianças estão chorando dentro de um banheiro, sentadas em cadeirinhas de bebê, no chão, embaixo de uma pia e próximas à privada. A escola é frequentada por crianças com menos de 1 ano até 6 anos de idade – do berçário ao Jardim 2.

No último domingo (20), o Fantástico, da TV Globo, divulgou um áudio – compartilhado pela mãe de uma criança – em que a diretora se defende das acusações: “Denúncia completamente descabida e com coisas sem contexto”.

Defesa diz que cenas foram forjadas

O advogado da diretora já negou as acusações e disse que a cena gravada foi forjada.

“A escola reconhece os alunos, o ambiente, aparentemente é dentro da escola”, disse. “Porém as circunstâncias com que os vídeos foram gravados não condizem com a realidade da escola. Foi feito sem nenhum conhecimento por parte das diretoras, das demais professoras.”

Professoras da escola, no entanto, afirmaram à polícia que Roberta orientava que os bebês fossem amarrados no banheiro, de forma que não fosse possível ouvir o choro deles. Mães também relataram que os filhos chegavam da escola com ferimentos e assustados.

Sobre nós

Falar um pouco sobre o Chico

Ultimos posts

Copyright © 2022 Portal ChicoSabeTudo. Todos os direitos reservados.