Mulher mata marido para ‘herdar’ coleção milionária dele; entenda

Por Chico Sabe Tudo 17/03/2022
As serpentes eram avaliadas em mais de R$ 5 milhões e seriam o motivo para o crime

O colecionador de anacondas, Benício, foi morto pela esposa, Lynlee, juntamente com o ex-marido dela, Michel, para “herdarem” sua coleção de cobras. Segundo informações, os animais criados pela vítima tinham valor de R$ 5 milhões no mercado informal.

Eles armaram para que a morte parecesse um ataque de serpentes. Benício era um colecionador de cobras e tinha um criadouro em casa e até costumava fazer vídeos mostrando as serpentes.

Lynlee ligou para a polícia para informar que o marido Ben Renick, de 29 anos, estava de bruços em uma poça de sangue. Ela disse para as autoridades que havia encontrado o corpo dele nas instalações onde Ben abrigava as cobras. O local tinha mais de 3 mil répteis

A cena do crime simulava que Ben havia sido atacado pelas cobras. Contudo, após examinar o corpo foi identificado que a vítima havia levado oito tiros à queima roupa. inclusive, uma bala foi encontrada no criadouro das cobras.

A polícia entendeu que Benício foi assassinado, pois alguém queria roubar a coleção de cobras. Lili virou alvo das investigações porque nenhuma das serpentes havia sido furtada no dia do crime e ela era a única pessoa que tinha a chave do criadouro.

Sobre nós

Falar um pouco sobre o Chico

Ultimos posts

Copyright © 2022 Portal ChicoSabeTudo. Todos os direitos reservados.