Professor é acusado de obrigar 37 alunos a se beijarem em troca de pontos em colégio de Salvador – BA

Um professor, que não teve o nome divulgado, está sendo acusado de ter obrigado 37 alunos do Colégio Estadual Heitor Vila Lobos, no Cabula VI, em Salvador, a se beijarem em troca de notas e R$10. O caso foi divulgado pelo programa Balanço Geral.

Segundo informações, a denúncia foi apresentada na Delegacia Especializada de Repressão ao Crime Contra Criança e Adolescente (DERCA) e no Ministério Público da Bahia (MP-BA). Ainda de acordo com a denúncia, os alunos, que têm entre 11 e 12 anos, foram trancados em uma sala, com cadeiras escorando a porta, para evitar a entrada de outras pessoas e incentivados a beijar colegas do mesmo sexo para conseguir mais pontos.

Segundo relatos das vítimas, alguns estudantes entraram em desespero e se negaram a beijar os colegas. A diretora invadiu a sala e recolheu os celulares dos alunos que filmaram a situação. Os adolescentes relataram que a prática já tinha acontecido antes, mas nada foi feito.

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) divulgou uma nota informando que, ao tomar conhecimento da denúncia pela direção do Colégio Estadual Heitor Villa Lobos, o professor foi imediatamente afastado e um processo administrativo foi instaurado para apurar o caso.

Comentários