Grupo é preso ao tentar arremessar drogas, fogão duas bocas e ventilador no Complexo Penitenciário de Salvador

Cinco pessoas foram presas ao tentarem arremessar materiais ilícitos para o Complexo Penitenciário da Mata Escura, em Salvador, em três ações diferentes. Casos aconteceram em um intervalo de cinco horas, na sexta-feira (16).

Entre os objetos que o grupo tentou arremessar para a parte interna do presídio estão ventilador, panela e até uma base de fogão duas bocas.

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) detalhou que a primeira ação ocorreu por volta das 4h. Policiais perceberam a movimentação e avistaram um grupo com seis sacolas, tentando jogar o material na parte interna do presídio.

Nessa ocorrência foram apreendidas drogas, bebidas alcoólicas, alimentos e outros materiais. Ninguém foi preso.

Cerca de quatro horas depois, por volta das 8h20, outro grupo de policiais encontrou seis pessoas ao redor do presídio, também com sacolas para serem arremessadas. Cinco pessoas foram presas nessa ação e um deles conseguiu fugir.

Com eles foram encontrados drogas, panelas, alimentos, ventilador, fogão e outros itens. O grupo foi levado para Central de Flagrantes, localizada na região do Iguatemi.

Já a última apreensão foi por volta das 9h30. Policiais da Companhia de Intervenção Prisional (Cirp) faziam buscas nas áreas de matagal do Complexo Penitenciário e encontraram sete tabletes de maconha.

Na mesma região, os policiais encontraram outras seis sacolas com bebidas alcoólicas e alimentos. Ninguém foi encontrado por arremessar esse material.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + 18 =