Mulher é indiciada por divulgar fotos íntimas de ex-namorada na Bahia

Presa/ Imagem ilustrativa

O delegado Isaías de Lucena Neto, titular da Delegacia Territorial (DT), de Brejões, município distante 279 quilômetros de Salvador, anunciou, na sexta-feira (19), que já identificou a responsável pela criação de um perfil falso numa rede social, que vinha divulgando fotos íntimas de uma moradora daquela cidade.

A vítima é ex-namorada do atual companheiro da autora. Ao saber que o namorado guardava fotos íntimas da ex no celular, a mulher criou um perfil onde postou diversas imagens e adicionou amigos e familiares da vítima. “Esse tipo de exposição íntima é conhecida como pornografia de vingança e tem o objetivo de causar humilhação à vítima, expondo sua intimidade sexual sem consentimento”, explicou o delegado.

A autora foi indiciada em inquérito policial, com base no artigo 218-C do Código Penal Brasileiro (CPB), que versa sobre publicar, sem autorização da vítima, fotos ou vídeos com cenas de nudez, o qual tem pena de reclusão de 1 a 5 anos.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − três =