Jovem delmirense é baleado durante assalto a ônibus e morre a caminho de hospital em SE

Um jovem alagoano, natural de Delmiro Gouveia, foi assassinado a tiro, no fim da tarde desta quarta-feira (13), na Avenida Santa Gleide, no bairro Olaria, em Aracajú (SE). A vítima foi identificada como David Jonathan Barbosa, 26.

O jovem estava trabalhando como cobrador de um ônibus coletivo da linha 080 – Bugio/Atalaia, quando três pessoas entraram no veículo e anunciaram o assalto. Um dos criminosos efetuou um disparo contra o jovem, apenas porque no caixa não teria a quantidade de dinheiro que ele queria. Após o crime, o trio fugiu tomando destino ignorado.

David Jonathan foi socorrido ainda com vida para o Hospital de Urgência de Sergipe, mas não resistiu aos ferimentos. O caso será investigado pela polícia Civil do Estado de Sergipe.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp) emitiu uma nota lamentando o ocorrido e informou que as imagens das câmeras internas do veículo foram encaminhadas para a polícia.

Confira a nota na íntegra:

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp) lamenta com extremo pesar o inaceitável ato ocorrido na tarde desta quarta-feira, 13, quando um cobrador do sistema do transporte público, da empresa Atalaia Transportes, veio a óbito ao ser atingido por arma de fogo por um meliante após assaltar o ônibus da linha 080, no Conjunto Bugio. O cobrador não reagiu ao assalto. Ele chegou a ser atendido no Hospital de Urgências de Sergipe, mas não resistiu aos ferimentos. A polícia foi acionada e as imagens das câmeras internas do veículo foram encaminhadas pela empresa de ônibus para contribuir nas investigações do caso. A empresa Atalaia está dando assistência à família do colaborador vitimado. O Setransp informa que as empresas de ônibus estão preocupadas com a integridade dos seus funcionários e clientes, e espera que as medidas de segurança pública sejam emergências para que o serviço do transporte público esteja resguardado da violência.

Assista ao vídeo que mostra toda a ação criminosa:

Prisão de um dos envolvidos

Minutos após a divulgação das imagens internas, policiais civis e militares realizaram a apreensão de um adolescente de 17 anos de idade, suspeito de participar do assalto.

A polícia informou que o adolescente foi localizado em uma residência e confessou a participação no crime, alegando que estava portando a arma de fogo a pedido dos comparsas, já que como menor de idade não seria autuado.

Ainda de acordo com a polícia, a mesma camisa que o menor teria utilizado no homicídio foi encontrada com ele e as outras duas pessoas envolvidas já foram identificadas.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

onze + doze =