Pauloafonsino estava no avião da NoAr Linhas Aéreas que caiu em Pernambuco

O diretor de Engenharia da construtora Moura Dubeux, Marcos Ely Soares de Araújo, natural de Paulo Afonso, de 42 anos, filho da Dona Geralda e Adonel da CHESF era um dos passageiros do avião da empresa NoAr Linhas Aéreas, que caiu por volta das 7h desta quarta-feira (13) e pegou fogo em um terreno na Avenida Beira-Mar, no limite entre Jaboatão dos Guararapes e Recife.

O funcionário da empresa iria participar da inauguração do edifício Hanna Saief, construído pela Moura Dubeux na cidade de Natal.

O empresário e presidente do Sport, Gustavo Dubeux, lamentou a morte do amigo e funcionário da empresa. “Ele era um excelente profissional, íntegro e de caráter. Começou como estagiário e cresceu dentro da empresa”, afirmou Dubeux.

O empresário disse ainda que também iria participar da inauguração do edifício Hanna Saief, em Natal. “Cancelamos o evento, que seria realizado hoje à noite. Marcos Ely decidiu viajar mais cedo porque tinha outros compromissos da empresa em Natal. Eu iria viajar para lá no final desta manhã, em um voo da TAM”.

Marcos Ely de Araújo era casado e tinha dois filhos. Ele também era sócio do Sport Recife e foi um dos responsáveis pela última obra de ampliação do estádio da Ilha do Retiro.

Nome das vítimas:

– Rivaldo Cardoso (piloto)
– Roberto Gonçalves (co-piloto)
– André Freitas
– Antônia Jalles
– Camila Marino
– Carla Moreira
– Débora Santos
– Bruno Albuquerque
– Natã Braga da Silva
– Marcelo Campelo
– Maria da Conceição de Oliveira
– Jonhson do Nascimento Pontes
– Marcos Ely Soares de Araújo
– Breno Faria
– Raul Farias
– Ivanildo Santos Filho

 

Da Redação ChicoSabeTudo
Fonte: Com informações JC

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × 1 =

Veja também