Quadrilha especializada em sequestro relâmpago pode estar em Paulo Afonso

Por Chico Sabe Tudo 17/10/2010

A Polícia está investigando a ação de uma quadrilha especializada em assaltos relâmpagos que está agindo em Aracaju. Segundo informação de uma fonte do setor de segurança, a Polícia desconfia que a mesma quadrilha está agindo também em Maceió, Salvador e cidades de médio da região.
Nesta sexta-feira (15) um empresário foi sequestrado por três homens armados, no momento em que entrava em uma agência bancária, no centro de Aracaju. A vítima levava R$ 51 mil para depósito em sua conta.
Segundo revelação da fonte policial, o empresário foi abandonado entre os municípios de Porto da Folha e Poço Redondo, o que leva à conclusão de que os sequestradores devem ter seguido para Paulo Afonso, interior da Bahia, ou para Alagoas, passando por Canindé do São Francisco.
Outra ação – Em setembro, também no dia 15, dois homens armados e encapuzados também fizeram vítima de um sequestro relâmpago um comerciante que reside em um apartamento de luxo do bairro Jardins, em Aracaju, no estacionamento do edifício.
Os sequestradores tomaram de assalto uma caminhoneta importada da vítima, que foi colocada no banco traseiro, com a arma do comparsa apontada para sua cabeça, até o Povoado Feijó, onde o abandonaram, depois de levar seu celular, notebook e algum dinheiro que possuía. Os dois homens seguiram em direção a Alagoas.
Em Inhapi – Na cidade de Inhapi, alto sertão de alagoas, próximo a Piranhas – do outro lado de Canindé do São Francisco e Poço Redondo – dois homens armados sequestraram um casal de namorados e levaram um veículo Golf, cor prata. Aconteceu em frente à casa da jovem, à rua Deputado Tarcísio de Jesus.
O casal também foi posto no banco traseiro do veículo e levados para fora da cidade. Os dois namorados foram abandonados na zona rural do município, depois de terem todos os seus pertences levados pelos bandidos. O Golf ainda não foi localizado e esse foi o terceiro sequestro relâmpago que ocorreu na cidade.
Com todos esses dados, a Polícia desconfia que a quadrilha vem agindo em período diferentes, mas com a mesma característica, nos Estados de Sergipe, Alagoas e Bahia. Até o momento não há pistas, mas os policiais trabalham com a hipótese de que se trata de uma quadrilha especializada nesse tipo de ação.
Além de levar objetos e dinheiro, a quadrilha não abandona o carro – nenhum dos três foi encontrado – o que pode estar sendo levados para desmanches em cidades de médio porte do interior da Bahia ou Alagoas.
Fonte: FaxAju

Sobre nós

Falar um pouco sobre o Chico

Ultimos posts

Copyright © 2022 Portal ChicoSabeTudo. Todos os direitos reservados.