Goleiro Bruno culpa mídia pelo fim da carreira no futebol 

Ex-goleiro Bruno -Créditos: Redes sociais

Durante uma entrevista ao canal “Nação Urubu 81”, o ex-goleiro Bruno Fernandes, que foi condenado pelo assassinato de Elisa Samúdio, disse que a sua carreira no futebol foi interrompida por culpa da imprensa.

“Deixei isso em terceiro ou quarto plano por causa da pressão midiática. Onde eu saio, aonde eu vou, eu arrasto multidões. Sou abraçado, acolhido, principalmente no Rio de Janeiro. Então, o que mais pegam no meu pé é a questão midiática […]. Na verdade, eu tenho lenha para queimar ainda, teria condições para continuar jogando, meu preparo físico é bom.”, disse.

Ele inda reclamou da falta de reconhecimento do Flamengo.

Eu fico muito triste quando chega o dia do goleiro e não postam uma foto do Bruno. Eu vejo torcedor cobrando isso. É isso que me deixa chateado. Independentemente do que tenha acontecido com a minha vida pessoal, a Justiça me condenou, não existe prisão perpétua no Brasil, eu cumpri, estou tentando me reerguer, e eles postam foto de todos os goleiros, menos a do Bruno“, concluiu.

Bruno jogou no Flamengo entre 2006 e 2010, conquistando um Brasileirão e três Cariocas. Depois da prisão, ele teve passagens por Boa, Poços de Caldas, Rio Branco e Atlético Carioca.

Em maio, o goleiro anunciou sua aposentadoria no futebol aos 36 anos de idade.

 

Goleiro Bruno -Créditos: Redes sociais

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − 5 =