Dicas de apostas esportivas para iniciantes

Algumas tendências da internet chegam ao Brasil vindas de fora, fazem muito sucesso por um tempo, e depois desaparecem como se nunca tivessem estado por aqui. Algumas poucas, porém, chegam para ficar, ou assim parece, e se tornam rapidamente mais do que uma moda, e sim uma parte da cultura.

Entre esses últimos casos é seguro colocar as apostas esportivas pela internet, um fenômeno que desembarcou por aqui no começo da década de 2010 e, em poucos anos, ganhou o famoso efeito “bola de neve”, a ponto de diversas casas de apostas esportivas se tornarem patrocinadoras de times de futebol e até mesmo de competições internacionais.

Uma razão para a popularidade é o bom trabalho das empresas com suas ações de marketing. Por exemplo, ofertas de boas-vindas para novos jogadores são uma prática bem disseminada pelas bolsas online. Fique de olho nas condições, como por exemplo se há algum bônus de boas-vindas sem depósito, ou se a oferta não tem letrinhas miúdas que podem atrapalhar sua experiência.

É necessário reconhecer que, em termos de impacto cultural, o que acontece no Brasil ainda está longe de replicar o que se vê em países como Inglaterra, Portugal e Rússia, nos quais as apostas esportivas são não apenas populares, mas plenamente legalizadas e regulamentadas pelo governo.

Aqui no Brasil o que acontece é que essas casas existem por conta de uma espécie de limbo jurídico – a legislação sobre jogos de azar e apostas é tão antiga que simplesmente não prevê o jogo pela internet (porque a lei foi escrita quando a internet não existia).

Isso significa que a aposta esportiva é legalizada no Brasil, embora não regulamentada; o governo não ganha dinheiro de imposto com isso. 

Mas ao que interessa: interessado em apostas esportivas? Veja como se dar bem logo de cara!

Começando agora? Aprenda o básico

Quem não tem uma boa noção do que são apostas esportivas pode achar que esse tipo de jogo é composto apenas pelo palpite mais simples que existe: “aposto que o Time A vai ganhar do Time B!”. Embora isso não esteja incorreto, essa é apenas a superfície de todas as possibilidades.

Eis, então, o primeiro conceito a aprender para se dar nas apostas esportivas: as apostas simples são apenas um tipo, e, aliás, o que em geral paga menos para o apostador. 

Antes de se preocupar com as apostas efetivamente, é importante se preocupar simplesmente com o site no qual ela será feita. Assim como chegaram diversas casas de apostas esportivas no Brasil, chegaram também sites especializados em avaliar cassinos e operadoras de apostas online.

Nesse tipo de serviço você pode encontrar algumas dicas preciosas quando estiver começando. 

Preocupações na hora de escolher o site ideal passam por métodos de pagamento disponíveis, a segurança e a confiança que o site passa, o mercado (isto é, os diferentes tipos de apostas) disponíveis, quais são os bônus oferecidos por cada empresa e quais são seus termos e condições, enfim, diversas nuances.

A principal dica para escolher uma casa de apostas para quem está começando, porém, é uma só: veja qual casa se adapta às suas necessidades enquanto jogador interessado, e nunca o contrário.

Dicas para se dar bem logo de cara

Escolher a casa de apostas ideal para cada perfil é um passo importantíssimo, mas é apenas o primeiro de muitos. Uma vez dentro, feito o cadastro, obtido o bônus que mais se adequa ao seu perfil e com dinheiro depositado na conta para poder jogar, é hora de explorar o que a casa tem de melhor a oferecer.

Analisar mercados de aposta é uma arte; cada esporte conta com centenas de eventos, e cada evento conta com centenas de possibilidades de apostas. Além do mais, como os apostadores mais avançados exploram muito, você verá que existem diferentes modalidades de aposta em si.

A melhor dica para começar é fazer apostas simples, ou seja, escolher uma única seleção independente (Time A ganha de Time B, placar exato da partida, etc.). Nesse tipo de aposta, além de ser mais fácil de entender a construção do resultado, o apostador não perde dinheiro se acertar várias seleções e errar algumas outras (como acontece em apostas combinadas e sistemas).

Para começar, o melhor a se fazer é analisar bem as odds, comparando com outras casas de apostas, inclusive, e a partir disso tentar construir uma seleção inteligente.

Mas construir uma aposta com inteligência, porém, passa pela dica mais preciosa de todas: usar a inteligência ao invés dos instintos mais básicos. Apostas podem ser jogos de sorte, mas a sorte ajuda quem se prepara; estude o máximo possível sobre os times, analise dados e estatísticas, compare a performance dos envolvidos e assim por diante.

Mais importante do que saber como apostar, porém, é saber quando não apostar. Por mais divertido (e potencialmente lucrativo) que seja, a aposta deve sempre ser um hobbie, e nunca se tornar um problema.

A melhor maneira para evitar problemas com vício é estabelecer um controle de gastos rígido e respeitá-lo; estabeleça uma quantia que pode ser apostada ao longo de certo período de tempo (um dia, uma semana) e nunca caia na tentação de desrespeitar esse limite. Mesmo se a aposta for vitoriosa, uma derrota “combinada” nunca é, de fato, uma perda.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − 5 =