Neymar não se recupera de lesão e é cortado da Seleção Brasileira

Neymar Reprodução/Instagram

O atacante Neymar foi cortado da Seleção Brasileira. O jogador passou por exame na noite desta quinta-feira (12) e apontou que ele não vai conseguir se recuperar a tempo da lesão no músculo adutor da perna esquerda para enfrentar o Uruguai, na próxima terça-feira (17), no Centenário, pela quarta rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022. Sem contar com o camisa 10 desde o início, o Brasil entra em campo na noite desta sexta (13), às 21h30, para encarar a Venezuela, pela terceira jornada.

“O jogador se apresentou na segunda-feira e, desde então, foi submetido a um trabalho intensivo de fisioterapia. Ele apresentou boa evolução, mas não suficiente para que estivesse disponível para o jogo contra o Uruguai. Hoje, ao chegarmos em São Paulo, nós já tínhamos programado de realizar ultrassonografia para acompanharmos a resposta da sua cicatrização”, explicou o médico da seleção, Rodrigo Lasmar.

O técnico do PSG, Thomas Tuchel, havia alertado que seria impossível ver Neymar em campo pela Seleção. Ainda segundo Lasmar, a comissão técnica brasileira firmou um compromisso com o clube francês, que monitorou a recuperação do jogador durante a semana na Granja Comary. Ele deu voltas ao redor do campo, trabalhou na academia e fez fisioterapia em três turnos.

“Trouxemos ele para que ficasse próximo, para que acompanhássemos recuperação, mas tínhamos compromisso com o PSG para que eles acompanhassem à distância a evolução do jogador e o passo a passo da recuperação. Esse exame que fizemos realmente confirmou que está havendo evolução, mas que o jogador ainda não está pronto para voltar a jogar”, disse.

Neymar é o sétimo corte que o técnico Tite precisou fazer na Seleção para essas duas rodadas pelas Eliminatórias. Ele já havia substituído o zagueiro Rodrigo Caio, o volante Fabinho e o meia Philippe Coutinho, todos lesionados. Além do trio, o zagueiro Éder Militão e o volante Casemiro ficaram fora por Covid-19. E nesta quinta, o lateral Gabriel Menino também foi diagnosticado com a doença.

O Brasil é o segundo colocado na tabela de classificação das eliminatórias com seis pontos, após ser ultrapassado pela Argentina que já jogou na rodada e somou sete.

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × dois =