Técnico da seleção olímpica, Micale comenta má fase do Brasil e pede desculpa aos torcedores

Após duas partidas sem fazer gols, a seleção olímpica brasileira de futebol masculino está desacreditada pela torcida. Ao final da partida deste domingo (07), os jogadores foram fortemente vaiados pelos torcedores brasilienses, que viram os brasileiros perdidos diante do Iraque.

Em entrevista coletiva, o técnico Rogério Micale, visivelmente abatido, falou sobre a atual fase da seleção olímpica brasileira, tentando ser otimista e se desculpou com a torcida.

– Nós temos um jogo ainda, se ganharmos podemos classificar. Só depende da gente, vitória simples nos dá classificação. Continuamos confiando – disse o técnico da seleção olímpica, que pediu desculpas. – Devemos desculpas ao torcedor, ao povo de Brasília. Não conseguimos fazer nosso futebol, hoje o povo nos apoiou muito, só no fim teve vaias. Frustramos a torcida, veio, lotou o estádio para poder prestigiar a seleção, mas não conseguimos da a resposta. Com vitória simples temos a classificação. Espero que tenhamos a mesma recepção. Espero conseguir fazer o gol e virar essa página, disse o treinador.

Rogério Micale também admitiu que estava triste com a situação do Brasil nos Jogos Olímpicos, mas ainda assim, garante que está confiante na recuperação do elenco para o próximo confronto, que será contra a Dinamarca.

– Meu sentimento é de tristeza, estou triste. Gostaria de ter presenteado o torcedor. Mas tenho também sentimento de confiança, podemos ganhar o jogo, dar a volta por cima. Se conseguirmos a classificação a gente entra no mata-mata. Precisamos passar dessa fase, temos que estar fortes mentalmente. Não adianta nada ganhar de 5 ou 7 a 0 e no primeiro mata-mata sair. Continuamos na briga pela medalha. Precisamos passar da primeira fase, precisamos do apoio do torcedor, precisamos resgatar confiança do time. Eles estão sentindo mais do que qualquer pessoa esses empates. A partir de amanhã faremos um trabalho junto ao grupo para poder dar a resposta. Acredito muito que isso vai acontecer – concluiu.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − 7 =