Micale contará com um verdadeiro ataque de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio

No próximo mês o Brasil começa a importante batalha dentro de casa pela conquista do primeiro ouro olímpico da história do nosso futebol.

Para tentar vencer o torneio, a Seleção Brasileira contará com um ataque altamente qualificado e arrasador. Cinco nomes foram escolhidos por Rogério Micale: Neymar, Douglas Costa, Gabriel, Gabriel Jesus e Luan.

Realidades do futebol mundial e grandes promessas estarão lado a lado nesta que será uma das competições mais importantes disputadas pelo Brasil, principalmente depois da campanha na Copa do Mundo de 2014. 

Um quinteto de respeito e que podemos assegurar: nenhuma seleção que disputará o torneio tem nomes tão bons quanto a Canarinho.

Considerando que todos vivem bons momentos na carreira e são peças fundamentais em suas equipes, Rogério Micale terá uma certa dor de cabeça para montar o ataque.

Crédito: AFP

Neymar:

O astro do Barcelona foi o primeiro nome a ser confirmado na competição. O jogador ficou de fora da Copa América Centenário por conta de uma acordo entre CBF e o time catalão que garantiu a presença do camisa 10 nos Jogos. 

Hoje, Neymar é um dos melhores jogadores do mundo indiscutivelmente. Gols, assistências e títulos fazem parte da curta carreira do jogador de 24 anos. Mas ainda lhe falta levantar uma grande taça com a camisa da Seleção.

Neymar conquistou a medalha de prata em 2012, em Londres. Na ocasião o Brasil perdeu para o México por 2 a 1. O jogador sabe da importância dessa competição e sem dúvida será o grande comandante do ataque brasileiro nos Jogos do Rio.

Crédito:  Mowa Press

Douglas Costa:

Para alguns a convocação de Douglas Costa não seria tão necessária muito por conta dos jovens talentos que o Brasil tem no setor. O atacante do Bayern de Munique mostrou grande evolução nos dois últimos anos e conseguiu a liberação junto ao clube.

Com 25 anos, Douglas Costa sabe da importância do torneio e já o classificou como mais importante que a própria Copa América Centenário onde o Brasil foi eliminado na fase de grupos.

Com a grande facilidade em atuar pelos lados do campo, Douglas Costa também deve ser titular assim como Neymar.

Gabigol:

 Crédito: Santos FC

Gabigol é uma das maiores promessas do futebol brasileiro. Pretendido por clubes do futebol europeu, ele vem de grandes atuações pelo Santos e convocações para a Seleção principal. O atacante ganhou espaço com o técnico Dunga durante a Copa América Centenário e chegou até ser titular da equipe.

Gabigol é um goleador nato, poucos jogadores no Brasil finalizam como ele, mesmo preferindo atuar pelo lado esquerdo do ataque. Posiciona-se bem e sempre que recebe a bola procura o alvo. Rogério Micale já elogiou essas características no jogador do Santos e pode até escala-ló como camisa 9 durante os Jogos Olímpicos.

Crédito:  Palmeiras

Gabriel Jesus:

2016 tem sido um grande ano para Gabriel Jesus, o jovem atacante do Palmeiras é atualmente o artilheiro do Campeonato Brasileiro e tem sido assediado por alguns clubes, entre eles o Barcelona que é quem está mais perto de contratar o jogador.

Assim como Gabigol gosta de atuar mais aberto do que centralizado, dono de uma arrancada impressionante e de uma finalização certeira vive o melhor momento desde que subiu aos profissionais.

Luan:

Crédito: Grêmio

O atacante do Grêmio tem faro de artilheiro, com personalidade o jogador superou as criticas e se tornou peça fundamental na equipe do técnico Roger Machado. É outro que desperta o interesse de vários clubes do velho continente. 

É quem mais se aproxima das características de um centroavante apesar de conseguir atuar também pelos lados do campo. Por diversas vezes ajuda o time nas construções das jogadas.

De qualquer forma Micale estará bem servido, independente de quem escolher para escalar. E melhor que isso, todos os cinco atacantes vivem grande fase no momento. 

O comandante ainda não deu muitas pistas de como pretender armar a equipe, isso só será possível perceber a partir do dia 18 quando os jogadores se apresentam na Granja Comary, mas de uma coisa podemos ter certeza, com tantos talentos na frente é bem provável que o ataque seja formado por três jogadores.

No grupo A do torneio de futebol, o Brasil estreia na competição no dia 4 de agosto, contra a África do Sul, em Brasília. Três dias depois, encara o Iraque no mesmo estádio e no dia 10, encerra a participação na primeira fase contra a Dinamarca, em Salvador.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sete − sete =