DIS pede ação de busca e apreensão na casa de Neymar, na Espanha

O grupo DIS, que possuía cerca de 40% dos direitos do atacante Neymar, pediu à Justiça de São Paulo que seja autorizada a busca e apreensão de documentos na casa do jogador, na Espanha, e na sede do Barcelona, atual clube do Brasileiro. As informações são do Blog Bastidores FC.

O pedido faz parte da ação em que o fundo de investimentos cobra acessos aos contratos da transferência de Neymar do Santos para o Barcelona. O grupo DIS já conseguiu alguns processos, entre eles um criminal movido em Madrid. O imbróglio também envolve o clube paulista. Oficialmente o acordo para a venda do atacante foi de 17 milhões de euros, mas documentos dão conta de que o valor chegou a pelo menos 90 milhões com o pagamento de luvas e premiações.  

Em entrevista ao jornalista Mauro Beting, para a revista Playboy, Neymar revelou mágoa dos dirigentes santistas e afirmou que não tem vontade de retornar ao time alvinegro com a atual gestão. 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 5 =