“Rezar para ter comida na mesa”, diz mulher que sacou pela última vez o Auxílio Emergencial 

Marileide Inácia, de 57 anos, que está desempregada há pelo menos três anos, disse que não sabe se vai ter comida na mesa neste Natal. Ontem (18), Marileide sacou a última parcela do Auxílio Emergencial, e como não está inscrita no Cadastro Único, não vai receber o Auxílio Brasil, programa que substitui o Bolsa Família.

É rezar para ter comida na mesa. Natal, Ano Novo e essas coisas, não espero“, disse.

Em casa, sou eu e meu marido. Ele já recebeu a última parcela do auxílio, também desempregado. Daqui para a frente, a gente vai ter que contar com a sorte e ajuda de Deus. Sinceramente não sei o que vai ser da gente, estou contando com a esperança de que meu filho consiga um emprego, mas de certeza mesmo [que temos] é só a falta de dinheiro e a dificuldade“, lamentou Marileide.

Comentários