Cantor Gino, da dupla com Geno, tem alta de hospital e volta para casa após vencer a Covid-19

Após receber alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Nove de Julho, em São Paulo (SP), na última quarta-feira (2), onde tratou a Covid-19, o cantor Gino, da dupla com Geno, de 75 anos, chegou neste domingo (6) no Distrito Lambari, em Pedra do Indaiá, no Centro-Oeste de Minas Gerais.

Segundo o empresário do cantor, Wagner Tadeu de Paula, Gino ficou em observação no hospital e recebeu alta definitiva na manhã deste domingo. Sorridente, Gino foi clicado almoçando o tradicional frango caipira em casa. Ele passa bem.

O cantor foi internado no Complexo de Saúde São João de Deus, em Divinópolis, no dia 23 de maio, com suspeita de pneumonia. Então, a família optou por transferir o cantor para o Hospital Nove de Julho, na capital paulista, para ser acompanhado pela equipe médica que já está acostumada a cuidar da saúde dele. No dia 25 de maio, Gino testou positivo para Covid-19.

Segundo o empresário dele, na ocasião da internação, Gino estava passando bem, mas teve uma piora dias seguintes e precisou ser internado na UTI. A assessoria não informou quantos dias ele permaneceu na ala para pacientes graves.

Gino respondeu bem ao tratamento e, no dia 2 de junho, recebeu alta da UTI do hospital. Nas redes sociais, a filha do cantor, Vanessa Fainne, publicou um vídeo do momento em que o pai deixou a unidade. “Hoje foi um dia maravilhoso. Estamos de alta da UTI”, escreveu.

Wagner também informou que o cantor já tomou as duas doses da vacina CoronaVac contra a doença. Ele recebeu a segunda dose do imunizante no início de maio.

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + nove =