Leo Dias processa Anitta e pede R$ 142,5 mil de indenização a funkeira por demissão

Anita/crédito: Ambev/ Divulgação

O jornalista Leo Dias pede na Justiça que a cantora Anitta arque com a sua demissão do portal UOL, após uma confusão generalizada em maio, que acabou com a boa relação entre os dois.

De acordo com o site ‘Notícias da TV’, o atual colunista do site Metrópoles’, pede uma indenização de R$ 142,5 mil por danos morais, alegando calúnia e difamação após a funkeira afirmar que era ameaçada e extorquida pelo jornalista.

“As ofensas feitas pela requerida [Anitta] ao requerente [Leo], em redes sociais, ofenderam a sua honra, sua dignidade e profissionalismo, o que gera direito à indenização por danos morais, já que o levou a experimentar dor e sofrimento íntimos, expondo-o também à formação de juízo comum diverso do que deveria ostentar, e pior o fez perder seu emprego no portal UOL, onde recebia o valor de R$ 47,5 mil mensais. Além de até hoje, quase seis meses depois, o requerente ser ofendido quase que diariamente em suas redes sociais por fãs da requerida”.

A ação foi registrada no dia 2 de novembro, na Vara Cível da Comarca do Rio de Janeiro. O valor é referente a 3 meses de salário de Leo. O jornalista pede ainda uma retratação pública da cantora e o pagamento dos honorários de seus advogados.

O caso que acabou com a amizade dos dois teve início no dia 19 de maio, após Leo escrever em sua extinta coluna no portal UOL o texto “Mãe de Anitta sai de casa por não concordar com ‘vida louca’ da filha”.

Anitta negou que a mãe havia deixado a casa dela por causa disso e Miriam Macedo também explicou em suas redes sociais o real motivo de sua saída.

O conflito gerou uma série de ataques de ambas as partes, Anitta compartilhou prints e áudios de conversas com Leo, alegando que ele a extorquia e ameaçava para conseguir notícias.

Leo, por sua vez, também compartilhou na web conversas que teve com a cantora, na qual ela criticava personalidades brasileiras, como Ivete Sangalo, Preta Gil, Marina Ruy Barbosa, Simone e Simaria, além de ter acusado Anitta de ter usado sexo para subir na carreira e ter criticado a religião da cantora.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × um =