Morre aos 32 anos o historiador e escritor delmirense Davi Bandeira

Morreu na manhã desta quarta-feira (26), em Maceió, aos 32 anos de idade, o historiador e escritor Davi Roberto Bandeira da Silva, que é filho da professora Severina Bandeira.

David Bandeira, que é natural do município de Delmiro Gouveia, estava residindo na capital do Estado de Alagoas há algum tempo e na noite desta terça-feira (25) passou mal e foi levado para um hospital. Porém, por volta das 8h da manhã, não resistiu.

Os familiares informaram ao Correio Notícia que o corpo de David Bandeira vai chegar a Delmiro por volta das 22h de hoje e será velado na Paróquia de Nossa Senhora do Rosário, mais conhecida como “Igreja Matriz”, no centro.

O sepultamento está marcado para às 10h da manhã desta quinta-feira (27), no cemitério da cidade.

Edvaldo Nascimento, que é vereador por Delmiro e amigo de David Bandeira, informou que a última obra do delmirense foi o livro Vila da Pedra, o qual conta parte da história do município em fotografias e histórias.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze + 8 =