Acusado de renegar filha de 18 anos, Rodrigo Faro faz três exames de DNA

O apresentador Rodrigo Faro voltou a ter seu nome envolvido em uma polêmica do passado. O artista desembarcou na cidade de Araranguá, em Santa Catarina, no fim de semana, e foi bombardeado por Cíntia Gomes, a mulher que entrou na Justiça em 2004, afirmando que Rodrigo era pai de sua filha, de seis anos – hoje com 18.

"É um absurdo, o cara vem na cidade onde mora a filha dele se fazer de bonzinho, ajudando os outros, mas a filha que é bom nada. PS: A vida um dia vai se arrepender, pois tem um Deus que não falha. Pessoal se fosse só por dinheiro ou fama, eu já tinha a tempo. Há 15 anos ele tentou calar meu silêncio [sic], mas eu não quis porque só quero que minha filha tenha um pai. Ai acho um absurdo ele vem na minha cidade e nem se quer vem ver a filha (sic)", disparou ela nas redes sociais.

Procurada pelo 'Ig', a assessoria de imprensa de Faro esclareceu que, na época, o apresentador fez três exames de DNA, mas todos deram negativo. Por conta disso, o caso foi concluído em 2008. Mesmo assim, Cíntia continuou alegando a paternidade do artista e chegou a divulgar a foto com o documento que o obrigava a pagar uma pensão no valor de R$ 3,6 mil (quando ele se recusou a fazer o primeiro teste).

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 − 8 =