Cantor do ‘The Voice’ mexicano é morto a tiros nos EUA

O cantor Alejandro 'Jano' Fuentes, que participou do "The Voice" do México em 2011, morreu na noite de sábado (18) nos EUA depois de ser baleado na quinta-feira na cidade de Chigado. Segundo a imprensa local, Fuentes celebrava o aniversário de 45 anos em uma escola onde dava  aula de canto e, ao sair, foi baleado três vezes na cabeça.

O crime aconteceu quando o cantor entrava em um carro com amigos. Um homem armado apareceu de repente e mandou que ele deixasse o veículo. Logo depois, atirou na cabeça do cantor e fugiu. 

Um amigo do cantor, Miguel Sanchez, contou que ele estava em uma "batalha pela vida" no hospital Mount Sinai. Neste sábado à noite, Fuentes não resistiu e acabou morrendo.

O ataque em Chicago aconteceu uma semana após o assassinato da cantora Christina Grimmie, que participou da versão americana do The Voice. Grimmie assinava autógrafos após um show em Orlando quando um homem atirou nela. O atirador, que seria obcecado pela cantora, se matou depois.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quinze − 11 =