Dudu Nobre canta música que faz referência ao retorno da escravidão e é criticado nas redes

Presente no “Encontro com Fátima Bernardes” da última terça-feira (24), o cantor Dudu Nobre cantou algumas músicas de sucesso e falou sobre o preconceito racial através dos tempos. Logo após, o sambista interpretou uma versão da canção “Mulata Assanhada”, de Ataulfo Alves. “Ai, meu Deus, que bom seria / Se voltasse a escravidão / Eu pegava essa mulata / Prendia no meu coração / E depois a pretoria / É quem resolvia a questão”, dizia o samba modificado.

Nas redes sociais, inúmeros comentários sobre a letra passaram a surgir, a maioria deles em tom de crítica ao artista, que chegou a ser chamado de “hipócrita” e “machista”.  “O que Dudu Nobre tem na cabeça?”, perguntou um dos internautas. “É sério que o Dudu Nobre cantou Mulata assanhada?”, twittou uma jovem.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − dois =