Jovem fica irreconhecível após alergia a camarão: ‘Achei que ia morrer’

Por Noticias UOL 15/06/2022

A estudante Amanda Souza Oliveira Nicândio, 22, moradora de Belo Horizonte, viralizou nas redes sociais ao entrar em uma corrente: “Mostre você e depois quase o que te matou”. No caso dela, o susto foi ter ficado praticamente irreconhecível ao ter uma alergia a camarão. Ela comeu um prato de frutos-do-mar em um quiosque na orla da praia de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro, e o vídeo em que mostra o inchaço de seu rosto atingiu 5 milhões de visualizações.

O caso aconteceu em 2021, mas a publicação no TikTok acendeu o interesse, a ponto de ela fazer um novo vídeo explicando a reação. Ao UOL, ela relembra a velocidade em que tudo ocorreu.

“No final do ano passado, em outubro mais ou menos, eu fui para o Rio com uma amiga, em uma viagem curta, de 7 dias. Eu vou muito pro Rio e sempre que eu ia, sempre ia nos mesmos lugares, na orla. Quando foi o quarto dia da viagem, fomos ao quiosque e pedimos camarão. Foi tudo muito rápido”, conta a estudante.

Amanda diz que já havia comido camarão em outras ocasiões e não imaginou que poderia sofrer reação alérgica ao alimento. “Eu comi eram umas 22h e quando foi 22h40 o meu olho já começou a inchar muito. Quando chegamos na UPA [Unidade de Pronto Atendimento] era 0h e meu rosto já estava completamente inchado. Foi questão de minutos.”

Ela conta ainda sobre o desespero que foi ao chegar no posto de saúde: “Achei que ia morrer”.

Os médicos na mesma hora me atenderam e me deram os medicamentos. Eu passei a noite, demorou muito pra desinchar e eu achei que meu rosto não voltaria ao normal. Quando fui liberada, ainda estava inchado, o pessoal na rua ficava me olhando. Teve uma mulher que perguntou se eu tinha apanhado.

@amandanicandio

Responder @geizalima537 se eu demorasse mais um pouco teria sido pior, tô contando aqui procês mas isso é um testemunho pra mim, graças a Deus deu tudo certo, Deus é muito bom! #fy #fyp

♬ som original – Amanda Nicândio

“Coloquei um óculos escuro, às 20h eu estava lá com óculos de sol (risos). Não consegui aproveitar como queria, mas deu para dar um jeito de terminar a viagem bem”, diz ela.

A jovem ficou no Rio de Janeiro para terminar a viagem. Além do rosto, a estudante também sofreu coceiras pelo corpo e o braço ficou um pouco inchado.

“Não consigo mais comer camarão. Nunca tinha dado nada, mas depois disso, não consigo comer, nem cheirar. Dá um medo de acontecer tudo de novo, foi um susto”, conta Amanda Nicândio

Sobre nós

Falar um pouco sobre o Chico

Ultimos posts

Copyright © 2022 Portal ChicoSabeTudo. Todos os direitos reservados.