Connect with us

Esportes

Jacuipense encara líder Bahia sem esperanças no Baianão 2024 após série de derrotas como visitante

Jacuipense encara líder Bahia sem chances na Copa do Brasil. Após 3 derrotas fora, testará sua sorte na Arena Fonte Nova.

Avatar De Portal Chicosabetudo

Publicado

em

Jacuipense

Na reta final do Campeonato Baiano de 2024, o Jacuipense enfrenta um desafio contra o time do Bahia, atual líder do torneio, na Arena Fonte Nova, no próximo domingo (3). Este confronto se apresenta não apenas como um teste de resistência para o Jacuipense, que vive um momento delicado na competição, mas também como um encontro entre duas equipes que tiveram trajetórias distintas ao longo do campeonato.

O Jacuipense, que orgulhosamente ostentou o título de vice-campeão estadual em 2023, passa por uma fase complicada neste Baianão, sem possibilidades de classificação ou risco de rebaixamento. A situação atual contrasta intensamente com as suas expectativas no início da temporada, marcando este período como um de reflexão e reestruturação para o clube.

A equipe de Riachão do Jacuípe, conhecida como Leão do Sisal, teve um desempenho notoriamente difícil nas partidas fora de casa, com três derrotas consecutivas contra Barcelona de Ilhéus, Itabuna e Juazeirense. Este padrão de resultados amplifica os desafios enfrentados pelo Jacuipense em jogos como visitante, onde acumulou um saldo negativo de quatro gols, marcando dois e sofrendo seis.

A trajetória do Jacuipense no cenário esportivo baiano é notável, com destaque para os seus dois vice-campeonatos estaduais em anos consecutivos, 2022 e 2023, e a conquista da Segunda Divisão do Baianão em 1989. Este histórico sublinha a consistência e a aspiração do clube, que se estabeleceu como uma força a ser reconhecida no futebol da Bahia desde a sua fundação, em 1965.

O confronto com o Bahia na Arena Fonte Nova se apresenta como uma oportunidade para o Jacuipense virar a página e começar a planejar o futuro. Enquanto o Bahia busca consolidar sua liderança e avançar no campeonato, o Jacuipense enfrenta o desafio de encerrar sua participação no Baianão 2024 honrando o seu histórico de resiliência e paixão pelo futebol.

Mais Lidas