Connect with us

Entretenimento

Lucas Paquetá é convocado pela CPI das Apostas Esportivas para depoimento

Lucas Paquetá é convidado pela CPI das Apostas devido a suspeitas de manipulação de resultados em jogos.

Avatar De Portal Chicosabetudo

Publicado

em

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Apostas Esportivas aprovou nesta terça-feira, 18, a convocação do meio-campista Lucas Paquetá para prestar depoimento. O atleta, que atua pelo West Ham e pela Seleção Brasileira, está sendo investigado pela Federação Inglesa de Futebol por supostamente ter recebido cartões amarelos intencionalmente para beneficiar apostadores.

O convite para o depoimento de Paquetá foi protocolado em 7 de outubro pelos senadores Jorge Kajuru (PSB-GO), relator da CPI, e Eduardo Girão (Novo-CE). Em sua justificativa, Kajuru afirmou que “o atleta foi formalmente acusado pela Federação Inglesa por má conduta em quatro jogos — entre novembro de 2022 e agosto de 2023 — que repercutiram no mercado de apostas, tendo em vista que nessas partidas ele foi punido com cartão amarelo em cada uma delas”.

Além do convite a Lucas Paquetá, a CPI aprovou a quebra de sigilo do ex-árbitro Glauber do Amaral Cunha, que teria mencionado a manipulação de uma partida na terceira divisão do Campeonato Carioca em um áudio. Também foram convocados William Pereira Rogatto, suspeito de manipulação de partidas no Distrito Federal, e dois representantes de empresas de monitoramento de partidas suspeitas, Sportradar e Genius Sports.

Nas últimas semanas, a CPI ouviu diversos dirigentes do futebol brasileiro, incluindo John Textor, dono da SAF do Botafogo; Julio Casares, presidente do São Paulo; e Leila Pereira, presidente do Palmeiras. Como se trata de um convite, Lucas Paquetá não é obrigado a comparecer à CPI.

O caso envolvendo Lucas Paquetá ganhou notoriedade após a Federação Inglesa de Futebol acusá-lo de má conduta por supostamente forçar cartões amarelos em quatro jogos da Premier League com o objetivo de beneficiar apostadores. Após a denúncia, feita no fim de maio, Paquetá se pronunciou nas redes sociais, negando todas as acusações e afirmando que colaborou com todas as etapas da investigação.

Com a exposição do caso, Maria Eduarda Founier, esposa de Lucas Paquetá, também se manifestou nas redes sociais, pedindo aos seguidores que não acreditassem em tudo o que liam sobre o assunto. O jornal inglês ‘SunSport’ chegou a afirmar que Paquetá poderia ser banido do futebol por toda a vida, conforme recomendação da Associação de Futebol da Inglaterra (FA).

Mais Lidas