Connect with us

Entretenimento

Caetano Veloso emociona ao recordar irmã Nicinha no Caldeirão de Mion

Caetano Veloso se emociona ao relembrar irmã Nicinha em homenagem. Momento de lágrimas e música no “Caldeirão” tocou corações.

Avatar De Portal Chicosabetudo

Publicado

em

Nicinha

Em uma emocionante homenagem no programa “Caldeirão”, comandado por Marcos Mion, o renomado cantor Caetano Veloso não conteve as lágrimas ao lembrar-se da irmã Nicinha, que faleceu em 2011. Um momento emocionante foi quando ele, ao lado de Maria Bethânia, assistiu a um vídeo onde aparecia cantando ao lado de Nicinha, fazendo-o chorar ao trazer a memória da irmã à tona.

Caetano relembrou a musicalidade única de Nicinha, destacando-se como a irmã mais velha e a mais virtuosa musicalmente na família. “Essa voz é de Nicinha, nossa irmã mais velha e a mais musical pessoa da nossa casa. Por admiração à sua musicalidade, compus uma música em sua homenagem. Ela era incrível, tocava piano e nos acompanhava nas canções”, explicou Caetano, emocionado.

Por sua vez, Maria Bethânia também compartilhou suas memórias afetivas com Nicinha, expressando o quanto a irmã mais velha fez falta em sua vida cotidiana. “Babá, como eu a chamava, me emocionei muito, desculpe. Ela cantava lindamente. Caetano a convidou para participar do seu disco, o que me deixou muito feliz, mas além disso, desde sempre, ela cuidou de mim com uma relação de confiança mútua profunda. Sinto muita falta dela”, disse Bethânia.

Eunice Veloso, conhecida carinhosamente como Nicinha, era a filha adotiva de Dona Canô e a irmã mais velha de Caetano e Maria Bethânia. Sua morte em 2011 foi causada por insuficiência respiratória. Nos dias que antecederam seu falecimento, Nicinha esteve internada em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) por quase um mês. Sua história na família Veloso começou quando ela foi adotada aos três anos de idade, sendo também irmã biológica de Edith do Prato, uma conhecida sambista de Santo Amaro, no Recôncavo da Bahia.

Mais Lidas