Connect with us

Curiosidades e Tecnologia

Nove casos de Febre do Oropouche foram confirmados na Bahia

Com nove casos reportados, a Febre do Oropouche preocupa autoridades na Bahia. A população deve se proteger contra mosquitos.

Avatar De Redação Portal Chicosabetudo

Publicado

em

Imagem: Reprodução/Redes sociais

Nove casos da Febre do Oropouche, uma doença viral que se assemelha à dengue em termos de sintomas e forma de transmissão, foram identificados na Bahia. O surto atual foi identificado especificamente nos municípios de Valença, onde se registraram sete casos, e Laje, com dois casos confirmados. A doença não é comumente encontrada nessa região, sugerindo um evento isolado em vez de uma transmissão endêmica.

Os sintomas da Febre do Oropouche incluem febre alta, dor de cabeça intensa, dores musculares e nas articulações, náuseas e diarreia, semelhantes aos de outras arboviroses. O agente transmissor é o mosquito Culicoides paraensis, também conhecido como maruim ou mosquito-pólvora. Esse fato ressalta a importância do diagnóstico correto, pois os sintomas podem ser facilmente confundidos com os de outras doenças transmitidas por mosquitos.

No momento, a Diretoria de Vigilância Epidemiológica do Estado está investigando os casos para obter um entendimento mais claro sobre a distribuição e o impacto da doença na região. Importante ressaltar, não há evidência de transmissão direta de pessoa para pessoa da Febre do Oropouche.

A ausência de um tratamento específico para a Febre do Oropouche torna o manejo da doença um desafio, com o foco sendo o alívio dos sintomas apresentados pelo paciente. A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) sublinha a necessidade de diagnóstico laboratorial preciso para um acompanhamento adequado dos casos. Além disso, enfatiza a importância de continuar as medidas de prevenção contra picadas de mosquitos, incluindo o uso de repelentes e vestimentas que protejam a maior parte do corpo.

Mais Lidas