Ascom/PMPA Projeto Cultura em Movimento

O Projeto Cultura em Movimento realizou o Chorinho no Coreto, que fez parte da segunda edição do evento. O encontro foi realizado na Praça do Coreto e contou com intervenções culturais e apresentação do grupo Regional pelo Sertão.

Artesanato, capoeira, poesia e música deram o tom e ritmo do projeto que também contou com a participação das escolas da rede municipal de ensino.

Para o secretário de Cultura e Esporte, Jânio Soares, o projeto funciona como uma vitrine. "Nossas crianças, jovens e adultos têm a oportunidade de mostrar sua arte neste projeto. Ele visa mostrar nossas potencialidades em várias áreas e fazer com que a cultura seja levada aos locais públicos", afirma.

Coordenado pela Secretaria de Cultura e Esportes, o Projeto Cultura em Movimento oferta oportunidade para os artistas pauloafonsinos mostrarem seu talento e torna-se uma opção de lazer e diversão. Serão 12 edições, organizadas pelo poeta Rogério Xavier, do Chá de Poesia, com a participação de artistas de cada bairro, com cinema, teatro, poesia, artesanato, música, artes plásticas e todas as atividades voltadas para a cultura.

“Esse projeto é o início para os que precisam e faz com que nós alunos possamos ter oportunidade de aprendizagem em algo proveitoso”, elenca o aluno da Casa da Criança, Rosivaldo Leandro.

A primeira edição foi realizada no Bairro Tancredo Neves II, no mês de julho. Para o capoerista Marcos, o projeto oportuniza a compreensão da arte deles. “Agradecer pela oportunidade de enaltecer nossa capoeira, um bem de todos. Nosso trabalho é intenso e busca estar nos movimentos sociais e esse projeto nos deixa orgulhoso em poder participar”, acrescenta.

E tem aqueles que gostam mais da escrita, a exemplo da aluna Isabela. Para ela, a poesia deve sempre ser evidenciada. “Acho muito interessante esse projeto. A Poesia é um estímulo para que possamos valorizar ainda mais nossa cultura”, acrescenta.

Os artesãos de Paulo Afonso também estiveram presentes no Projeto Cultura e Movimento. “Acho maravilhosa essa iniciativa, além de disponibilizar oportunidade para que as pessoas conheçam nosso produto, além desse envolvimento da comunidade”, aborda a artesã Vonilda Maria Santos.